Performance de Marcelo Mello Jr., vencedor da Dança dos Famosos em 2014 (Imagem: Globo/Zé Paulo Cardeal)

Dança dos Famosos na pandemia mostra que Domingão se tornou refém de formatos

Um dos quadros de maior sucesso e faturamento do Domingão do Faustão, a Dança dos Famosos chega a sua 17ª em . Mas a insistência da Globo em manter a sua exibição mesmo durante a pandemia parece ser uma decisão, no mínimo, controversa.

Afinal de contas, a dança é uma atividade que, inevitavelmente, requer contato físico. Por mais precauções que a emissora se proponha a adotar, como por exemplo, fretar um avião para o elenco, os participantes não estarão completamente imunes ao risco de contrair .

Mesmo porque, a projeção inicial é a de que a maratona de dança permaneça no ar até . E, até onde se sabe, os famosos e bailarinos não permanecerão confinados nesse período. Em outras palavras, todos continuarão tendo contato com outras pessoas, o que pode facilitar a disseminação da doença.

Dificuldade em fechar o elenco da Dança dos Famosos
Não a toa, a emissora enfrentou dificuldades para fechar o elenco deste ano. Para o próximo domingo (30), a Globo promete revelar o nome dos primeiros participantes que aceitaram o desafio.

Por ser a rede de televisão que mais defendeu o isolamento social, a decisão da Globo em manter a Dança dos Famosos no ar chega a ser incoerente. Afinal de contas, não se trata de uma atividade interrompida – como as gravações de novelas ou a temporada do The Voice Kids, por exemplo. Não há necessidade de começar uma nova temporada em plena pandemia,

A manutenção da disputa também é o principal motivo pelo qual Faustão – mesmo estando no grupo de risco – retornou aos estúdios.

Acordos e compromissos comerciais a parte, era melhor renegociar com o patrocinador. Deixar para o ano que vem, seria o mais sensato. Até lá, valeria mais a pena rever performances marcantes no Globoplay.

A constatação de que o Domingão se tornou refém de formatos

Inserida em um contexto mais amplo, a Dança dos Famosos na pandemia também demonstra, basicamente, que o Domingão – assim como vários outros programas de auditório – se tornou refém de formatos.

Já de algum tempo a atração aposta no revezamento entre Ding Dong, Show dos Famosos e Dança dos Famosos. Na ausência de um desses quadros, a produção aposta em um Arquivo Confidencial, como aconteceu na última semana.

A pandemia deu à equipe a oportunidade de se reinventar. Ora, já que a Dança dos Famosos é um formato longo, que requer contato físico, por que não buscar uma novidade? Seria válido até mesmo o resgate de algum outro quadro de sucesso do programa, que oferecesse menor perigo de transmissão.

Mas a equipe preferiu o caminho mais fácil. Pegar a receita pronta, de sucesso, e usá-la de novo. Ainda que, dessa vez, isso represente risco aos envolvidos. Uma pena.

** Este texto não necessariamente reflete, a opinião do EGOBrazil

A Fazenda 13: Record confirma os primeiros participantes; saiba quem são
A Fazenda 13: Record confirma os primeiros participantes; saiba quem são

A TV anunciou hoje, durante o programa "Hoje em Dia", os primeiros peões de "". Entre eles, Leia Mais

Luciano Huck homenageia Faustão, agradece a Tiago Leifert e ‘pede licença’ ao público
Luciano Huck homenageia Faustão, agradece a Tiago Leifert e 'pede licença' ao público

Apresentador elogiou performance de Marcos Mion no 'Caldeirão': 'Ele resgata um pouco do que o Chacrinha fazia no sábado' Após Leia Mais